jusbrasil.com.br
13 de Novembro de 2018
    Adicione tópicos

    Câmara faz homenagem ao estado de Minas Gerais pelo seu aniversário

    Câmara dos Deputados
    Publicado por Câmara dos Deputados
    há 4 meses

    Homenagem foi feita em sessão solene realizada nesta quinta-feira (11)

    A Câmara dos Deputados promoveu, nesta quinta-feira (11), sessão solene requerida pelos deputados Raquel Muniz (PSD-MG), Marcos Montes (PSD-MG), Diego Andrade (PSD/MG), Jaime Martins (PROS-MG) e Stefano Aguiar (PSD-MG), em homenagem ao aniversário do estado de Minas Gerais, que completa 298 anos no dia 16 de julho.

    Em discurso lido no Plenário, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), destacou que todo brasileiro é um pouco mineiro, já que a história do estado se confunde com a história do Brasil. Ele lembrou dos recursos naturais, das cidades históricas, do folclore, gastronomia, artesanato e de Tiradentes. “O movimento da Inconfidência Mineira mudou a relação da coroa portuguesa para com sua colônia na América. A partir da então, na Capitania nasceu o vulto maior da nacionalidade, Tiradentes, o único a pagar com a vida”, disse.

    O vice-presidente da Câmara, deputado Fábio Ramalho (MDB-MG), salientou a importância de Minas Gerais para a economia: o estado é líder na produção de leite, tem o segundo maior rebanho de gado e é o primeiro produtor de café, além de ser referência na indústria mineradora e automobilística.

    A presidente da sessão solene, Raquel Muniz (PSD-MG), destacou a importância da economia, mas também de personalidades como Guimarães Rosa, Darcy Ribeiro, Carlos Drummond de Andrade e de Juscelino Kubitschek. “Minas sempre esteve presente na economia do país, na agropecuária, nas minas de ouro e diamantes através das empresas e indústrias. E Minas sempre se fez presente na política e em momentos cruciais como na Inconfidência, na construção de Brasília.”

    Já o deputado Diego Andrade (PSD-MG) aproveitou o momento para cobrar das instituições do estado soluções para o sucateamento dos hospitais e o atraso no salário dos professores. Ele recordou também que Tiradentes morreu lutando contra os 20 % de tributos que deveriam ser pagos para a coroa e que hoje pagamos mais de 50% “e os serviços públicos não são de qualidade”.

    O deputado Domingos Sávio (PSDB-MG) afirmou que todos os parlamentares da casa se unem quando se trata de Minas Gerais, independente de questões partidárias. “ O trabalho do mineiro, a perseverança, o espírito de luta nos dá a certeza que nós vamos superar esses momentos difíceis, por que passam Brasil e Minas Gerais.”

    Durante a sessão solene, a Comissão de Cultura presenteou com placa de condecoração o grupo folclórico Banzé, que completou 50 anos. O cantor Théo Azevedo também lembrou da importância do cerrado e de frutos como o pequi. “O cerrado é igual uma mãe: tem um coração aberto. E a árvore mais importante é o pequi, que é remédio, alimento e mão de obra.”

    A Comissão de Cultura também se reuniu na tarde desta quarta-feira (11) para homenagear o estado de Minas Gerais em audiência pública. Para a presidente da comissão, deputada Raquel Muniz (PSD-MG), “ Minas Gerais influenciou a constituição cultural, histórica e econômica do País”. Na ocasião, grupos de cultura da região realizaram apresentações, com música e dança.

    Reportagem - Kellen Barreto
    Edição - Ana Chalub

    A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)